Loading...

domingo, 31 de julho de 2011

Baile para escolha das Rainhas e Princesas da Pomitafro


No dia 20 de agosto, no ginásio de esportes "Arthur Kruger", de Vila Pavão, acontecerá o tradicional Baile para escolha das Rainhas e Princesas da Pomitafro.
De acordo com o regulamento da competição definido pela Secretaria Municipal de Cultura e Lazer, para disputar a cobiçada coroa a candidata deverá ter entre 14 e 20 anos de idade; residir no município, apresentar cópia de documento com foto ou Certidão de Nascimento e uma foto 3 x 4.
O evento, que terá entrada gratuita, iniciará às 19 horas com show de Débora Dubberstein. Em seguida, o desfile das candidatas e definição das vencedoras, com encerramento embalado pela Banda Família Nativa.
As rainhas: Cinthia Neves de Senna (Africana), Joany Uliana Milbratz (Italiana) e Lays Foerster Jacob (Pomerana)
As princesas: Stefanya Raqueli Vésper Krause (Pomerana), Eliana Rodrigues de Souza (Africana) e Rayssa Hecher Lauer (Italiana)
A 19ª edição da Pomitafro acontecerá entre os dias 20 e 28 de agosto, com apresentações culturais a partir das 19 horas nos dias 22 (EMEF) e de 23 a 25 (Praça São Marcos). De 26 a 28, as atividades serão realizadas no Parque de Festas com apresentação de Grupos Folclóricos e shows musicais, com destaques para Gioco Di Morra, Angelini Bazoni e Antônio Carlos e Renato (dia 26); Ataíde e Alexandre (27) e Amado Batista (28), além de sorteio beneficente de 4 motos FAN 125.

sexta-feira, 29 de julho de 2011

POMITAFRO será realizada no Parque de Festas de Vila Pavão

A Pomitafro de Vila Pavão, considerada uma das mais tradicionais festas culturais do Estado, este ano, além da extensa programação destinada aos pavoenses e visitantes, terá um ingrediente importante para garantir o sucesso do evento: a inauguração do Parque de Festas do município.
Em virtude do crescimento do público que prestigia a Pomitafro a cada ano, a Prefeitura adquiriu uma área de terra medindo 102.351,49m2, localizada no Córrego do Pavão, e está utilizando parte na construção do Parque de Festas “Jacob Lauer”. A outra metade da área será destinada na construção de unidades habitacionais para famílias de baixa renda do município.
Os trabalhos de nivelamento e preparação do terreno estão sendo realizados por 4 máquinas e 3 caçambas. Também estão em andamento projetos de instalação de energia elétrica e água, construção de barracas, estacionamento, enfim, de toda infraestrutura necessária para dar comodidade a todos que participarem da 19ª edição da festa.
“Vila Pavão precisava de um local para realização da Pomitafro, Olimpíada Rural e outros grandes eventos que constam do calendário cultural do município. O Parque de Festas é um grande investimento reivindicado pela comunidade pavoense”, comemora o prefeito Ivan Lauer.
A Pomitafro será realizada de 20 a 28 de agosto, com realização do baile para escolha das Rainhas e Princesas (dia 20 – 19h – ginásio de esporte), semana cultural com atividades a partir das 19h, na EMEF e Praça São Marcos, além de diversas apresentações, de 26 a 28 - no Parque de Festas, de Grupos Folclóricos e shows musicais, com destaque para o cantor Amado Batista, que se apresenta às 18 horas do dia 28 (domingo), logo após o sorteio beneficente de 4 motos FAN 125, que tem início previsto para as 15 horas.

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Enquanto o tempo passa... boas coisas acontecem

Vila Pavão realiza 2ª Etapa da Campanha de Vacinação da Pólio ...

A enfermeira Camila, da Secretaria de Saúde de Vila Pavão informa que a 2ª etapa da campanha de vacinação da Pólio e também de Sarampo, acontecerá nos dias 08, 09 e 10 de agosto, no interior do município e na Sede, o Dia “D”, será no dia 13, das 08h00 às 16h00.
 De forma geral, serão vacinadas crianças de 0 à 7 anos, sendo que de 0 a 5 anos é a 2ª etapa da Pólio e de 1 à 7anos será de Sarampo , lembrando que algumas crianças receberam as duas vacinas.
Não deixe de levar o seu filho (a) para vacinar. Você também é responsável!!!

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Fruticultura se firma como pilar da agricultura familiar no ES

Num Estado onde predomina a agricultura de base familiar, a fruticultura vem ganhando destaque no cenário da economia capixaba. Favorecido por possuir os três principais elos da cadeia produtiva do setor (produção / indústria / mercado) o Governo do Espírito Santo, a partir de um planejamento de longo prazo, coordena a implantação, revitalização e consolidação de pólos de fruticultura.
 Um dos principais parceiros do Governo nesse processo, a TROP BRASIL produz polpa de frutas tropicais para indústria de alimentos e bebidas. No último dia 25 de julho, a TROP apresentou um balanço de suas atividades nos últimos quatro anos e destacou a participação do mercado de frutas produzidas no Estado.
 Até 2011, a TROP BRASIL transformou em polpa mais de 60 mil toneladas de frutas. Manga e maracujá são os destaques na produção capixaba, sendo que o maracujá processado pela empresa é 100% produzido no Estado. A goiaba também se destaca na produção capixaba. Já a manga produzida em terras capixabas aumentou sua participação de 15 em 2007 para 46% em 2010. “A manga é um caso de sucesso sem precedentes no ES. Saltamos de 400 hectares em 2003 para 1500 hectares em 2011”, destacou José Carlos Grobério, engenheiro do Incaper responsável pelo pólo da manga. Mamão e abacaxi também vem sendo processados pela indústria, porém em menor volume.
 O encontro contou a presença do secretário da Agricultura do Estado, Enio Bergoli, que destacou o crescimento do consumo de frutas no mundo e, em especial, no Brasil. “De olho nesse mercado estamos fomentando a fruticultura no ES. Estamos com 11 pólos implantados e outros 2 em fase de estudos para implantação. Como possuímos os elos da cadeia produtiva dentro de nosso Estado, facilita o entendimento e reduz os riscos, pois estamos falando de um produto perecível”.   
 Com uma linha de produção capaz de processas 10 toneladas / hora, e prestes a ampliar sua capacidade para 20 toneladas / hora com a implantação da segunda linha de produção em 2012, a TROP vem alinhando suas ações junto com os produtores, incentivando o cooperativismo e investindo também em assistência técnica. “Temos que dar segurança aos produtores, colaborar com a organização do setor para garantir um volume crescente de produção dentro das boas práticas e com preço justo”, afirmou o gerente geral do TROP, Marcos Leonardo.
 Marcos Leonardo destacou também a redução dos riscos com as garantias apresentadas pela empresa, que elabora o valor do contrato tendo como base o custo da produção, o frete, o lucro do produtor e a participação da cooperativa. “Facilita a relação com os
agentes financeiros, que agora também apostam na fruticultura como fonte de renda para a agricultura de base familiar”, concluiu.
 O superintendente da Organização das Cooperativas do Brasil (OCB), Carlos André, reforçou a importância do cooperativismo como ferramenta para o desenvolvimento do setor. “Estamos empolgados com o que estamos vendo no setor frutícola no Estado. A OCB é parceira dos produtores”, afirmou Carlos André, que no encontro anunciou que a OCB vai assinar convênio com as cooperativas para contribuir com a assistência técnica.     
 Dalmo Nogueira, gerente de Fruticultura do Estado, se diz realizado ao ver que o setor se firmou e que os resultados já estão aparecendo. “Tenho toda minha vida profissional pautada no crescimento da fruticultura no Estado. Tenho orgulho em fazer parte dessa equipe e saber que pude contribuir com tudo isso que estamos vivendo agora”, afirmou Dalmo.   
 A agricultura de base familiar representa aproximadamente 80% das propriedades rurais capixabas. Clima e relevo permitem uma produção diversificada de frutas em todo território e geração de renda durante o ano inteiro. Atualmente, a fruticultura capixaba, incluindo o cacau, ocupa uma área de 85 mil hectares e uma produção anual estimada em 1,3 milhão de toneladas por ano, movimentando mas de R$ 600 milhões. Esses números representam 17% de participação na produção agropecuária do Estado. 
 Palavra do produtor:
 Fábio Fiorotti – Coopruj – Sem parceria não teríamos o que comemorar. Profissionalizando os produtores melhoramos a qualidade e a produtividade. A indústria nos dá a garantia de preço e pagamento.
 Rossini Brito – Cristalcoop – A aposta na fruticultura e no cooperativismo foi acertada. A segurança na venda facilita a relação com os agentes financeiros.

Marcos Leonardo é Gerente Geral da Top Brasil

O Secretário de Estado da Agricultura, Enio Bergoli


terça-feira, 26 de julho de 2011

CACHOEIRO STONE FAIR 2011 PROMETE AQUECER NEGÓCIOS NO MERCADO BRASILEIRO

Com 100% das áreas comercializadas, a feira de Cachoeiro de Itapemirim promete atrair visitantes de todo o País


Estimuladas pelo aquecimento do mercado interno e na busca por novas parcerias comerciais, empresas expressivas de rochas ornamentais do Espírito Santo e as indústrias de máquinas e insumos confirmaram presença na Cachoeiro Stone Fair 2011, uma das principais feiras do segmento no Brasil, que será realizada em agosto, em Cachoeiro de Itapemirim.
Com 100% dos espaços já comercializados, o evento irá reunir 220 expositores de vários estados brasileiros, em uma área total de 32 mil metros quadrados, que prometem apresentar aos visitantes as últimas novidades em termos de rochas ornamentais, máquinas pesadas, equipamentos para o beneficiamento do mármore e do granito e insumos para o setor.
Realizada na conhecida capital do mármore e principal polo de beneficiamento de rochas ornamentais do Brasil, a Cachoeiro Stone Fair 2011 tem como tradição atrair um grande número de marmoristas, distribuidores e demandadores da construção civil, além daqueles interessados nos denominados bens de capital. 
 Para o presidente do Sindicato das Indústrias de Rochas Ornamentais, Cal e Calcário do Espírito Santo (Sindirochas) e do Centro Tecnológico do Mármore e do Granito (Cetemag), Emic Malacarne, as expectativas de bons negócios são positivas, principalmente, com o aquecimento no mercado interno. “O evento é importante para o desenvolvimento do setor de rochas ornamentais no Brasil. Sem esquecer da importância das exportações, este ano percebe-se uma robutez no mercado interno e, portanto, isso deverá refletir em bons negócios na Cachoeiro Stone Fair”, disse.

Programação
A Cachoeiro Stone Fair 2011 contará com uma programação de palestras e oficinas técnicas. Um dos temas a ser discutido abordará “Promoção de Negócios Ambientais no Setor de Mármore e Granito”, com a presença de especialistas e técnicos de diversas áreas para debater sobre o perfil do setor de rochas ornamentais do ponto de vista de eficiência tecnológica e como a atividade pode contribuir com a economia verde e a sustentabilidade da região.
Haverá ainda o workshop “Propriedade Industrial no setor de Rochas Ornamentais”, onde será lançada uma cartilha sobre as formas de proteção industrial e a análise no segmento. Além disso, o projeto INPI Volante fará um balcão de atendimento para esclarecimento de dúvidas sobre o tema da propriedade industrial aos participantes da feira.
Em sua 32ª edição, a feira movimenta economicamente Cachoeiro de Itapemirim. Além das visitas realizadas pelos participantes às indústrias integrantes da Rota do Mármore e do Granito, há uma grande movimentação nos hotéis no entorno da cidade, na região litorânea e de montanha.
Por conta do evento, donos de bares e restaurantes do município vão preparar o Giro Gastronômico. A ideia, que nasceu dentro da Subsecretaria de Turismo da prefeitura, é que os estabelecimentos batizem seus pratos com os nomes dados às variações e tipos de rochas ornamentais beneficiadas na região.

Cachoeiro de Itapemirim
O município de Cachoeiro de Itapemirim destaca-se pelo seu importante parque industrial de beneficiamento de rochas ornamentais, que junto com outros 14 municípios da região Sul do Espírito Santo compõe o mais importante Arranjo Produtivo Local (APL) do Brasil.
A atividade de processamento de rochas ornamentais consiste em um setor dinâmico com grande expansão de mercado, com empresas dedicadas ao beneficiamento do mármore e granito. O setor agrega ainda atividades para a indústria de insumos, máquinas, pesquisa, desenvolvimento, qualificação profissional, logística e tecnologia da informação, entre outras.
A feira será realizada entre os dias 23 e 26 de agosto, no Parque de Exposições Carlos Caiado Barbosa, em Cachoeiro de Itapemirim, promovida pelo Sindicato da Indústria de Rochas, Cal e Calcário do Espírito Santo (Sindirochas), pelo Centro Tecnológico do Mármore e do Granito (Cetemag) e pela Milanez & Milaneze.
Segundo Cecília Milanez, da Milanez & Milaneze, este ano, a Cachoeiro Stone Fair surpreendeu com uma grande participação de empresas atuantes nas áreas de insumos, máquinas, equipamentos e ferramentas. A feira contará com a participação de 19 expositores internacionais nesses segmentos. “Isso confirma a importância do evento de Cachoeiro, firmando a cidade como um polo de beneficiamento de rochas ornamentais”, disse.

Cachoeiro Stone Fair 2011
– Data: 23 a 26 de agosto de 2011
– Expositores: 220
– Local: Parque de Exposições Carlos Caiado Barbosa, em Cachoeiro de Itapemirim
– Funcionamento: A feira vai funcionar das 13 às 20 horas (acesso até as 19 horas) e para participar é necessário fazer cadastro prévio no site http://www.cachoeirostonefair.com.br/.

domingo, 24 de julho de 2011

Seminário mostra sabedoria popular e científica de saúde natural


* Texto da jornalista Roberta Soares

O conhecimento, a simplicidade e a harmonia estiveram presentes em todas as atividades do 6º Seminário Estadual de Saúde Natural Preventiva e 9º Seminário de Plantas Medicinais e Terapêuticas Tradicionais, realizados nos dias 15 e 16 de julho no CEIER (Centro Estadual Integrado de Educação Rural), em Vila Pavão-ES.
Na programação constaram palestras sobre Os afetos e a construção da relação consigo e com o outro (psicóloga Edivânia Pilon), Importância dos terapeutas naturais no Brasil (representante da Sociedade Brasileira de Medicina Alternativa e da Associação Nacional dos Terapeutas, Gilberto Menegutti), diferentes oficinas de Massoterapia (Édina Creuza Verfloet - massagem), Biodanza em Tempo de Ser (Teresinha Mansur e Genoefa Mônico - uso da música para despertar emoções, e também do movimento corporal e da afetividade), Importância da Cores dos Alimentos (nutricionista Maria Siqueira - variação do cardápio levando em consideração as cores: destaque para a utilização de temperos naturais, frutas, legumes, folhas e cereais. Doenças Psicossomáticas (psicanalista Marise Maline – momento de relaxamento corporal), Trabalhe a Postura Física (fisioterapeuta Daiana Ferreira - posturas corporais), Reflexologia (terapeuta holística Nélia Buge - energia do corpo e suas consequências), Energização e de Reaproveitamento de Materiais Recicláveis, Plantas Medicinais (Genilza Matielo), Caldas Agroecológicas (engenheiro agrônomo Dulcino Zucateli e o técnico em Agropecuária, Brás Marré - receitas simples e práticas para nutrir solos e plantas ou para repelir pragas como pulgões e lagartas), Roda Biocêntrica (Leia Márcia Lazzari), técnica Ki Kung e Pranayama, a Yoga e a Drenagem Linfática, além de visita à horta medicinal do projeto Horta da Vida, promovido pela Secretaria de Saúde de Vila Pavão, com o cultivo de mais de 100 plantas para uso medicinal e terapêutico.
Para a facilitadora de Biodanza Leia Márcia Lazzari, que esteve no evento pela primeira vez, cada momento dos seminários foi importante. "Todos os participantes estiveram atentos para receber as informações, que eram práticas e objetivas. Sinto que todos tiraram o máximo proveito de tudo que foi oferecido nesses dois dias", comentou.
O Seminário de Plantas Medicinais e Terapêuticas surgiu de um projeto para resgatar conhecimentos populares e científicos sobre plantas medicinais e formar agentes populares em saúde. Junto a esses objetivos há também a proposta de promover a espiritualidade e reflexões sobre diversos campos sociais.Uma das características dos dois seminários é a alimentação orgânica oferecida aos participantes. Uma forma de incentivar a nutrição diária baseada em alimentos sem agentes químicos ou insumos que degradem o solo e as águas.
A coordenadora técnica da ACESA-ES e coordenadora do trabalho de medicina natural preventiva em Vila Pavão, Genilza de Fátima Matiello, ressaltou que os seminários são desenvolvidos graças ao interesse por parte dos cidadãos, profissionais e órgãos públicos, como a Prefeitura Municipal de Vila Pavão e o Departamento de Fitotecnia da Universidade Federal de Viçosa. "Pessoas de 16 diferentes municípios do Espírito Santo, de Minas Gerais e do Rio de Janeiro, vem fazer parte desse momento de resgate da cultura regional por meio da valorização dos saberes popular", menciona.

sábado, 23 de julho de 2011

NF-e volta a ser emitida na forma convencional

A Receita Estadual informa que o ambiente de autorização (SERPRO) da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) está normalizado. Dessa forma, os contribuintes que emitiram em contingência com SCAN – Sistema de Contingência Âmbito Nacional –, usando série 900, deverão voltar à forma de emissão normal.
O ambiente SCAN foi desativado e os contribuintes devem voltar a emitir NF-e na sequência usada anteriormente, de número e série da NF-e. Como exemplo: se na forma de emissão normal a empresa parou na NF-e número 20, série 1, voltará a emitir o documento na NF-e número 21, série 1, independente da utilização via SCAN.
Todos os cinco Estados que utilizam a Sefaz virtual Ambiente Nacional (SVAN) – Espírito Santo, Maranhão, Pará, Piauí e Rio Grande do Norte – tiveram interrupção na emissão na modalidade normal durante a tarde de ontem.

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Ex-jogador Romário garante apoio para ES ser Centro de Treinamento para a Copa do Mundo de 2014



Foto: Thiago Guimarães/Secom
Romário disse ao governador Renato Casagrande que vai vestir a camisa do Espírito Santo

O ex-jogador e agora deputado federal Romário esteve em Vitória, no último dia 19, para tratar de assuntos partidários e foi recepcionado pelo governador do Espírito Santo Renato Casagrande, o vice-governador Givaldo Vieira e pelo secretário de Estado de Esportes e Lazer Vandinho Leite.
Durante a reunião o ex-craque que se destacou na seleção brasileira, no Vasco, Flamengo e Barcelona, foi convidado para participar do projeto que visa atrair alguma seleção classificada para a Copa do Mundo FIFA 2014 para fazer sua preparação no Espírito Santo.
E a resposta foi imediata e positiva. O ex-jogador disse que faz questão de vestir a camisa do Espírito Santo e que já vai apresentar o projeto capixaba para as seleções da Espanha, da Holanda e dos Estados Unidos, fortes candidatos a confirmar vaga para o Mundial do Brasil.
O governador Renato Casagrande ficou satisfeito com apoio do ‘baixinho’. "O Romário foi um dos maiores craques da história do futebol mundial e atualmente é um político que está se dedicando a importantes causas e nos dará uma importante contribuição em nossa campanha de ser um Centro de Treinamento. E a uma ajuda desse nível, dessa grandeza não podemos deixar escapar. Afinal, agora temos um artilheiro com mais de mil gols em nosso time", brincou Casagrande.
O secretário Vandinho Leite disse que a seleção capixaba está completa. "Antes já contávamos com o reforço do nosso governador e agora temos a garantia do empenho do Romário. Por isso nosso time agora tem dois grandes atacantes. De um lado o governador que tem se dedicado e muito para garantir que o nosso projeto, e quando falo nosso porque ele é de todos os capixabas, seja apresentado e aprovado por alguma seleção. E agora, do outro lado da área temos o Romário que nos garantiu essa importante ajuda e por isso estamos confiantes em um resultado positivo", garantiu Vandinho.
Romário ouviu do governador e do secretário que o Espírito Santo já está se movimentando para garantir sua presença na Copa do Mundo de 2014. Além disso foi informado que o Estado já conta com o seu Comitê Organizador cujo objetivo é a realização de estudos, projetos, eventos e ações visando participação do Espírito Santo como Centro de Treinamento para a Copa do Mundo.
Ele recebeu ainda a informação de que cinco instalações cadastradas para ser possíveis Centros de Treinamentos já foram aprovadas pelo Comitê Organizador do Mundial. O Hotel Fazenda Parque do China (Domingos Martins), Centro de Treinamento Flamboyant (Guarapari), Associação Esportiva e Recreativa Tubarão (Serra), Estádio Estadual Kleber Andrade (Cariacica) e o Centro de Treinamento Jaime Navarro de Carvalho (Vitória) agora esperam receber vistorias de uma comissão avaliadora.
Esporte Pela Paz
Durante o encontro com o secretário Vandinho Leite, Romário afirmou que o Governo do Espírito Santo poderá utilizar sua imagem para desenvolver programas sociais, como o Esporte Pela Paz, que faz parte do Programa Estado Presente.
Romário disse ainda que voltará ao Espírito Santo para inaugurar núcleos de futebol que integrarão o programa de inclusão social desenvolvido pela Sesport.

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Jornal Tribuna do Pavão e jornalista Carlos Malta são homenageados em Vila Pavão

Hoje, dia 20 de julho, a comemoração foi em dose dupla. É que neste dia o primeiro jornalista de Vila Pavão, Carlos Alberto Malta (MALTA) e o jornal Tribuna do Pavão (1º jornal de Vila Pavão), fazem aniversário: o Malta está completando 64 anos e o jornal está fazendo, 20 Anos que foi fundado no município pavoense. Por esse motivo, o prefeito de Vila Pavão, Ivan Lauer, resolveu prestar aos dois, uma homenagem surpresa, com bolo, refrigeantes e presentes. O evento aconteceu no Gabinete do Prefeito e compareceram vários secretários municipais, funcionários, vereadores, etc..., depois de cantar o tradilcional "Parabéns", o secretário Chefe-de-Gabinete, Dalmiro Sarter, fez uma lindo oração para todos os presentes e em especial para os aniversariantes.
Eu, como jornalista e diretor do jornal, quero agradecer de coração ao prefeito Ivan Lauer e a todos os presentes, pois sei que durante estes anos que estou em Vila Pavão, fiz muitos amigos e também alguns "desafetos", coisas de jornalista, só nunca tinha tido uma homenagem tão expressiva como a de hoje, talvez só quando fui merecedor do Título de Cidadão Pavoense, ofertado pela Câmara de Vereadores, na presidência do vereador Antônio Alves de Souza Filho (Toninho Pacheco), no ano de 2006.
A todos vocês e ao povo pavoense o meu muito obrigado por terem acreditado em mim e no jornal Tribuna do Pavão.

Confira a homenagem com algumas fotos abaixo.

Foto nº 1 - Dalmiro Sarter, Ivanir Pionti, vereador Uélikson Boone (Bolinha), o aniversariante Malta e o prefeito de Vila Pavão, Ivan Lauer


Foto 2: Toninho Pacheco, Bebeto, Mazinho, Valdecir Berger, Malta e Ivan Lauer
Foto 3: - Helio Matheus, Rogerão, Camila Pionti, Malta e o prefeito pavoense Ivan Lauer
Foto 4: - O aniversariante Malta e sua colega Inês Maciel
Foto 5: - Inês Maciel, Dr. Celso Campos, Malta e Ivan Lauer
Foto 6: - O prefeito Ivan Lauer, ladeado pelos jornalistas: Malta e Jorge Kuster
Foto 7: - O aniversariante Malta, ladeado pela Drª. Ildete Melo de Oliveira e Inês Maciel
Obrigado Vila Pavão!!! 

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Recebemos apoio até da Itália

O fotógrafo e jornalista pavoense Cleber Sabino, que agora está com sua família, morando na Itália, acessou o nosso Blog e leu as matérias referentes ao presidente da Câmara pavoense e mandou diretamente da Itália, a seguinte mensagem: "Olá Malta!  Parabéns pela matéria, muito corajosa! Tô vendo que vc não mudou, continua levando informação honesta aos seus leitores. Pois é Malta, veja como é a vida: Esse cidadaão (Arnaldo), há alguns anos atrás foi implacável comigo, quando surgiram suspeitas de denúncias no Posto do Detran de Vila Pavão. No meu caso, tudo foi esclarecido, agora esperamos que ele faça o mesmo, esclareça para o povo de Vila Pavão, como é possível gastar R$ 28 mil na reforma de dois veículos velhos. Estamos aguardando. Forte abraço!
Cleber Sabino

sábado, 16 de julho de 2011

Presidencialismo de coalizão enfraquece papel do Congresso, diz Ricardo Ferraço

Para o senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) o presidencialismo de coalizão, maneira que o Poder Executivo utiliza para gerir o país, conseguiu resolver o problema da governabilidade, mas retirou o papel de protagonista do Congresso Nacional para a democracia, pois, entre outras coisas, esvaziou e prejudicou a função de fiscalização que a instituição deveria exercer junto ao Executivo.
Em discurso nesta terça-feira (12), ele citou dados do estudo da Universidade de São Paulo (USP) sobre "O papel do Congresso Nacional no Presidencialismo de coalizão". O texto diz que, com tal fórmula de gestão - com o Executivo firmando acordo com o maior número de partidos possível e alargando sua base - o Congresso perdeu a autonomia, se tornou reativo, paralisado ou submisso em relação ao Executivo.
- Os dois poderes não precisam viver em conflito, mas a democracia não pode abrir mão da ação de fiscalização do Legislativo sobre o Executivo - disse.
Na opinião de Ferraço, é preciso resgatar a credibilidade do Congresso. As posições políticas, segundo disse, devem ser pautadas pelo interesse público, não por negociações pontuais, e se a coalizão é importante para a governabilidade, deve ser feita de forma transparente.
O senador disse ainda, com base no estudo, que a democracia brasileira incorporou a hipertrofia do Executivo herdada do período militar, e isso fica evidente com o excesso de medidas provisórias editadas. Por isso, ele pediu aos senadores que aprovem a proposta de emenda à Constituição (PEC 11/2011) que altera o rito de tramitação das MPs no Congresso Nacional.
O parlamentar citou ainda outros dados do estudo segundo os quais 80% da população desconfiam do Congresso Nacional, e menos de 16% o aprovam, evidenciando que o Legislativo não estaria representando as aspirações da maioria; para 1/3 dos eleitores a democracia poderia funcionar sem o Congresso ou os partidos. O estudo aponta, ainda, a existência de cerca de 26 mil projetos na Câmara e 8 mil no Senado aguardando análise dos congressistas, o que abre espaço para o ativismo legislativo do Poder Judiciário.
- Ele vem se dando na esteira da paralisia do Congresso, que deixa de debater e decidir questões da maior importância para a sociedade - afirmou.
Agência Senado

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Arnaldo e a Farra com dinheiro público

Na edição nº 347 do jornal Tribuna do Pavão, na coluna Curtas &Diretas, colocamos uma nota sobre “Farra com Dinheiro Público” e comentamos que o presidente da Câmara de Vereadores de Vila Pavão, vereador Arnaldo Grünivald, pagou uma página para um jornal colocar um “Convite”, o que poderia, na minha opinião, ser feito em ¼ de página. Quero esclarecer o seguinte: O referido jornal não é culpado de nada, o jornalista e sócio-proprietário do jornal coloca a propaganda de acordo com o que está recebendo, portanto a culpa é exclusivamente do presidente da Câmara, ou de quem autorizou.
A única “nota” que o Arnaldo não gostou
Devido a nossa “notinha”, o presidente Arnaldo Grünivald,  ficou bastante aborrecido e começou a “cuspir marimbondo” chegando ao extremo, achando que é o maioral, mandou fazer um ofício/abaixo assinado, protocolado ao prefeito pavoense Ivan Lauer, pedindo ao Chefe do Executivo que me demitisse (jornalista Carlos Alberto Malta), uma vez que estou como Assessor de Comunicação da Prefeitura de Vila Pavão. A Câmara tem 09 (nove) vereadores mas somente 03 deles assinaram: Ademar Tesch, Juvenal Médice e o próprio Arnaldo Grünivald. Com isso presidente, o senhor deu mostras de que não tem força nem mesmo na Câmara Municipal, pois os outros 06 (seis) vereadores não assinaram “pedindo a minha cabeça”. Mas a batalha está apenas começando!
 Arnaldo faz B.O (Boletim de Ocorrência) no DPM de Vila Pavão, contra jornalista
Ainda não satisfeito e talvez com medo das conseqüências que estão por vir, o presidente da Câmara de Vila Pavão, Arnaldo Grünivald, esteve no Destacamento de Polícia Militar (DPM) local e registrou BO nº 517, datado em 11/07/2011 contra o jornalista Carlos Alberto Malta, tendo como sua testemunha Napoleão Jonath Filho (Napim) e constam ainda mais dois(2) Luzimar e Irinel Coler. Até o momento o jornalista não foi ouvido para fazer a sua defesa.

Ouvi dizer por aí...
... que a testemunha do Arnaldo, conhecida por Napim, anda falando nos cantos de Vila Pavão e também na Prefeitura, local que trabalha, que não vê a hora de dar uma surra no Malta, o mesmo foi dito pelo Arnaldo Grünivald, que “ele não perde por esperar”. Senhores, ameaças não resolvem questão e se alguma coisa acontecer comigo, as autoridades já sabem quem foram os autores, é só prender.

O que as autoridades e o povo querem saber
Arnaldo Grünivald: - A sociedade pavoense quer saber


Diz um velho ditado que, onde há fumaça, há fogo!
Comenta-se em Vila Pavão, que o presidente da Câmara de Vereadores, Arnaldo Grünivald, fez uma
"Licitação" para reformar os 02 carros do Legislativo Pavoense, até aí tudo bem, só que o valor do serviço de reforma dos veículos (02 Fiats Unos) ficou em R$ 28 mil reais, só a reforma daria prá comprar outro carro novo, o que seria mais viável, não acham? A não ser que os carros estivessem tão ruins que só serviam prá "ferro velho", mas se assim fosse, não mereciam reforma.
Agora senhor Presidente, a sociedade pavoense quer saber se isto é
Fato ou é Boato?
Se for
Fato, então seria melhor administrar bem o dinheiro público e não jogá-lo pelos ralos da vida, mas se for Boato, então a sociedade quer que o senhor desminta esta nota através de provas, ou seja, publicando a Nota Fiscal de Serviço da firma que venceu a licitação e dando total transparência na tal licitação. O desfio está lançado!!!
Ah! ainda faltam mais ou menos 18 meses para o senhor ficar como presidente do Legislativo Pavoense e nós, do Blog do Malta juntamente com o jornal Tribuna do Pavão, vamos ficar de olho no senhor. Trabalhe certo e com total transparência, senão...
OBS: Será que em Vila Pavão querem acabar com a Liberdade de Imprensa?

terça-feira, 12 de julho de 2011

Nova Venécia terá 1º Exposição de Atividades Culturais do Projovem Campo

A Superintendência Estadual de Educação (SRE) de Nova Venécia realiza no dia 22 de julho, de 09 às 19 horas, a 1ª Exposição de Atividades Culturais do Projovem Campo – Saberes da Terra Capixaba intitulada “Educação do Campo no Fortalecimento da Agricultura Familiar”.
O evento contará com duas etapas. Na primeira, os educadores de cinco escolas do município, apresentarão, na sede da SRE de Nova Vénécia, seus trabalhos para os técnicos da superintendência. Já na segunda etapa será feita uma mostra de suas atividades na Praça do Granito, localizada no mesmo município.
A proposta é estimular a produção e desenvolvimento de trabalhos e criar uma oportunidade para que exponham as atividades desenvolvidas em sala.
Para Inez Ardison, coordenadora do Projovem Campo da SRE de Nova Venécia, o evento será também uma oportunidade dos alunos mostrarem os trabalhos para a comunidade. “Durante a exposição, o público terá acesso ao que os estudantes estão produzindo e desenvolvendo em sala”, frisou.
O evento será aberto ao público em geral e a exposição dos trabalhos será feita na Feira de Nova Venécia.
Programação:
09 às 12 horas – Apresentação das atividades, pelos educadores do Projovem na SRE Nova Venécia
13 às 19 horas – Exposição dos trabalhos dos Educadores do Projovem na Praça do Granito
17 horas – Moda de Viola

2º LOTE DO IR 2011 CHEGA ESTA SEMANA

Na próxima sexta-feira, 15 de julho, a Receita Federal irá liberar o dinheiro das pessoas que foram agrupadas no segundo lote da restituição do IR 2011. No total, R$ 1,9 bilhão será distribuído para 1,6 milhão de contribuintes. Para Dora Ramos, que atua há mais de vinte anos no mercado contábil-administrativo e é diretora da Fharos, muitos poderão colocar em práticas planos que necessitam de investimento. “Nessa época do ano, várias empresas fazem o adiantamento da primeira parcela do décimo terceiro, além de pagarem os bônus de férias. Com cautela e um bom planejamento é possível quitar dívidas ou adquirir bens duráveis”, explica a especialista. A previsão é de que até dezembro todos os que fizeram sua declaração dentro do prazo estipulado recebam a restituição, o que totaliza a entrega de mais cinco lotes.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Aniversário do prefeito Ivan Lauer

O dinâmico prefeito pavoense Ivan Lauer estará aniversariando amanhã, dia 12. Como é de costume, funcionários da Prefeitura Municipal de Vila Pavão, estarão fazendo uma simples homenagem para o lider do município pavoense.
Ivan Lauer já está em seu segundo mandato e graças à sua capacidade administrativa e uma grande visão política é que o nosso município vem crescendo a cada dia que passa, e a passos largos.
Seus amigos, funcionários, o Blog do Malta, o jornal Tribuna do Pavão e a sociedade pavoense, desejam-lhe neste dia, muitas felicidades, saúde e que a paz de Deus esteja com você prefeito.
O prefeito pavoense Ivan Lauer, ladeado pelas princesas Italiana e Africana

O prefeito Ivan Lauer e o governador Renato Casagrande
Feliz Aniversário e Parabéns Ivan Lauer!!!

domingo, 10 de julho de 2011

Na Associação Recreativa Pavoense - ARP

E como acontece todo final de semana, os sócios da ARP, tradicional clube de Vila Pavão, passam horas de lazer entre amigos.

Eu estive lá e fiz estas fotos para o Blog do Malta.


Nova Venécia cria Ouvidoria na Secretaria de Saúde

O Prefeito de Nova Venécia, Wilson Japonês assinou no dia 17 de junho o Decreto que institui o serviço de Ouvidoria municipal no âmbito da atuação do Sistema único de Saúde (SUS).
A competência da Ouvidoria abrange toda e qualquer prestação de serviço de saúde no município que tenham como destinatário final o usuário do SUS.
Além de propor e coordenar a política de saúde, é papel da nova pasta sugerir ações de estímulo e participação de usuários e entidades nos serviços prestados no Sistema.
Outras ações como análise de sugestões com vistas à melhorias dos serviços, correção de problemas, atendimento às reclamações e medidas que visem assegurar ao cidadão o acesso às informações também fazem parte do trabalho.
“Essa é uma forma de controle interno que estamos implantando na Secretaria de Saúde, especificamente nos atendimentos do SUS que visa otimizar ainda mais os serviços realizados naquela pasta”, comentou Wilson Japonês, prefeito de Nova Venécia, após assinatura do documento que criou a Ouvidoria.

Vila Pavão: 1º Festival de Concertina é realizado com sucesso

A Prefeitura de Vila Pavão, através das Secretarias Municipais de Cultura e Turismo e da Assistência Social, com apoio de Marcelino de Minas, Arte da Casa e de vários segmentos da sociedade pavoense promoveram o 1º Festival de Concertina de Vila Pavão. O evento, que foi realizado neste domingo, dia 10, no Ginásio de Esportes “Arthur Kruger”, de 08 às 18 horas, alcançou grande sucesso, tanto de público quanto de beleza.
De acordo com o secretário municipal de Cultura, Jorge Kuster Jacob, o objetivo do festival é resgatar e valorizar esta importante cultura de tocadores de concertina trazida pelos imigrantes no início do século passado e que, com o passar do tempo, pode perder sua tradição. “Tocar concertina é uma tradição passada de pai para filho, mas que, com o passar dos anos, vem diminuindo seus adeptos em nossa região. O festival é uma forma de incentivo para unir os tocadores, novos e idosos, e estimular a nossa juventude a se interessar em aprender a tocar este importante instrumento musical. Durante o evento, foram homenageados os nossos tocadores vivos e algumas famílias dos que já faleceram”, informou Kuster. 
Concertina - A concertina é um instrumento, de origem alemã e veio para o Brasil de barco a vapor no final do século XIX e inicio do século XX com os imigrantes europeus. A concertina, da família do acordeão, é um instrumento comum nas colônias de imigrantes alemães, pomeranos e italianos do Espírito Santo. São poucos, atualmente, os fabricantes mundiais de concertina. O Espírito Santo abriga a maior parte dessa cultura e é onde se concentra o maior número de tocadores de concertina no mundo.
Acompanhe alguns momentos do Festival, com as fotos de Malta.









sexta-feira, 8 de julho de 2011

Arnaldo Grünivald: - A sociedade pavoense quer saber

Diz um velho ditado que, onde há fumaça, há fogo!
Comenta-se em Vila Pavão, que o presidente da Câmara de Vereadores, Arnaldo Grünivald, fez uma "Licitação" para reformar os 02 carros do Legislativo Pavoense, até aí tudo bem, só que o valor do serviço de reforma dos veículos (02 Fiats Unos) ficou em R$ 28 mil reais, só a reforma daria prá comprar outro carro novo, o que seria mais viável, não acham? A não ser que os carros estivessem tão ruins que só serviam prá "ferro velho", mas se assim fosse, não mereciam reforma.
Agora senhor Presidente, a sociedade pavoense quer saber se isto é Fato ou é Boato?
Se for Fato, então seria melhor administrar bem o dinheiro público e não jogá-lo pelos ralos da vida, mas se for Boato, então a sociedade quer que o senhor desminta esta nota através de provas, ou seja, publicando a Nota Fiscal de Serviço da firma que venceu a licitação e dando total transparência na tal licitação. O desfio está lançado!!!
Ah! ainda faltam mais ou menos 18 meses para o senhor ficar como presidente do Legislativo Pavoense e nós, do Blog do Malta juntamente com o jornal Tribuna do Pavão, vamos ficar de olho no senhor. Trabalhe certo e com total transparência, senão...

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Reforma administrativa do Senado é aprovada em subcomissão

Agência Senado —
Uma redução de R$ 150 milhões por ano no orçamento do Senado Federal. Essa é a estimativa de economia com a aprovação do substitutivo do Senador Ricardo Ferraço (PMDB/ES) ao PRS 96/2009, que trata da Reforma Administrativa do Senado. O texto, aprovado nesta quarta-feira (6) por unanimidade pela Subcomissão Temporária da Reforma Administrativa, criada na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) para tratar do tema, ainda precisa ser aprovado na própria CCJ e, depois, pelo Plenário da Casa.
- Eu acho que o principal ponto da reforma é a economia, a austeridade. Nós não contabilizamos ainda os valores finais, mas seguramente a reforma vai oferecer uma economia de pelo menos R$ 150 milhões por ano – comemorou o relator do projeto, senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES), que apresentou um texto alterando o projeto original e alcançando uma economia maior à prevista inicialmente, no qual acolheu emendas apresentadas pelos colegas.
O texto prevê o corte de cerca de 45% no número de funções comissionadas, que passa das atuais 2.072 para 1.129. Nos gabinetes dos senadores, o número máximo de cargos em comissão será de 55. Atualmente, os 12 cargos de livre provimento dos gabinetes podem ser desmembrados em 79.
Por causa do corte expressivo no número de funções comissionadas, os senadores Vital do Rêgo (PMDB-PB) e Benedito de Lira (PP-AL) propuseram que os ocupantes de algumas delas recebessem uma gratificação maior, já que haveria aumento na responsabilidade. A alteração, que já havia sido rejeitada pelo relator, foi parcialmente acatada após acordo firmado pouco antes da votação. Das três funções que receberiam uma gratificação maior pela proposta dos senadores, apenas os chefes de serviço terão o aumento, de acordo com o relatório aprovado. O relator ressaltou que o corte no número de funções foi mantido.
Outras alterações propostas em voto em separado apresentado ainda nesta quarta-feira pelo senador Benedito de Lira foram rejeitadas pelo relator durante a reunião.As mudanças eram na estrutura da biblioteca e do programa Interlegis, que apóia o processo de integração e modernização do Poder Legislativo. O senador também defendia uma estrutura “menos enxuta” para a Secretaria de Comunicação Social que a proposta no relatório. O texto reduz de 101 para 82 o número de funções nesse setor.
Para os senadores, a proposta ainda não é a ideal, mas representa o possível dentro de um entendimento dos membros da comissão, composta também pelos senadores Cícero Lucena (PSDB-PB) e Eduardo Suplicy (PT-SP), que presidiu os trabalhos. Das 31 emendas apresentadas ao texto, 20 foram acatadas, total ou parcialmente pelo relator, que teve a postura elogiada por alguns dos senadores.
- Houve uma participação efetiva da Casa e houve uma sensibilidade de Vossa Excelência, por isso, eu queria deixar muito claro o meu voto. Eu me sinto absolutamente à vontade para votar e acompanhar o relator – disse o senador Vital do Rêgo.
Apesar de os senadores reafirmarem que o texto poderá ser modificado pela CCJ, o relator acredita que haverá poucas mudanças. Para ele, a reforma, iniciada em 2009 após denúncias de irregularidades administrativas, é uma resposta à demanda da sociedade.
- Acho que nós conseguimos incorporar muitos avanços. Se, com o tempo, nós identificarmos que podemos cortar mais, vamos cortar mais. Se não, vamos ter a mesma humildade para fazer os eventuais ajustes que a realidade indicar – afirmou Ferraço.
Confira outras mudanças trazidas pelo relatório:
Diretor-geral – A proposta é de que o ocupante do cargo seja indicado pela Comissão Diretora, e não mais pelo presidente do Senado. O indicado terá de passar por sabatina. A proposta é de que a permanência máxima no cargo seja de quatro anos, com a obrigatoriedade de apresentação anual de um relatório com as atividades da Casa.
Relatórios – Setores considerados pelo senador como áreas-meio, como a polícia legislativa, a comunicação e o Prodasen terão de apresentar relatórios com um diagnóstico das atividades. Também é sugerida a criação do cargo de ombudsman para a comunicação, que teria de ser ocupado por um servidor da Casa.
Racionalização – propõe estrutura mais enxuta para coordenar as áreas estratégicas formadas por Secretaria Geral de Administração, Secretaria de Gestão do Conhecimento e Secretaria de Comunicação Social, com a extinção das unidades, cargos e funções não expressos no novo regulamento.  
Gráfica – ficaria limitada à publicidade do processo legislativo. Todas as demais publicações seriam restritas ao meio eletrônico.  
Prodasen – um plano diretor de tecnologia da informação seria realizado para a adoção de processo legislativo eletrônico e automação das áreas do Senado. 
Serviço Médico – revisão da atual dimensão do setor, que tem 48 médicos, oito dentistas e 43 profissionais de saúde de nível superior. Ricardo Ferraço questiona se essa estrutura é compatível com as necessidades do Senado.  
Biblioteca – busca de integração com a da Câmara dos Deputados. 
Polícia e segurança – revisão de atribuições, com atenção para a grande quantidade de servidores (190 dos 343) que não se encontram lotados na Secretaria de Polícia.
Instalações – redistribuição dos espaços na Casa, destinando as melhores localizações para órgãos relacionados à atividade fim. Restrição da cessão de espaço físico para terceiros.

quarta-feira, 6 de julho de 2011

PEC dos Recursos começa a tramitar na Comissão de Constituição e Justiça

Foi lido nesta quarta-feira (6) substitutivo do senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 15/11, de autoria do senador Ricardo Ferraço, que visa evitar que os recursos aos tribunais superiores sejam usados como instrumento para atrasar decisões judiciais definitivas. O presidente da comissão, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), concedeu vista coletiva e os senadores devem analisar a matéria até o segundo semestre, quando o texto será então votado.
A chamada "PEC dos Recursos" foi sugerida pelo presidente do STF, ministro Cezar Peluso, no âmbito do 3º Pacto Republicano, a ser celebrado por Judiciário, Legislativo e Executivo.
Com a alteração, acabaria o efeito suspensivo no caso de recurso ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), ou seja, as decisões de tribunais de segunda instância transitariam em julgado e teriam de ser cumpridas imediatamente após sua publicação.
O texto original da PEC emenda os artigos 102 e 105 da Constituição, que tratam, respectivamente, das competências do STF e do STJ. No caso do STF, para substituir o recurso extraordinário, a proposta inclui um inciso criando a figura da ação rescisória extraordinária; no caso do STJ, no lugar do recurso especial, é criada a ação rescisória especial.
Em seu substitutivo, Aloysio Nunes concorda que a "proposta ora em construção tende a reduzir, drasticamente, o número de recursos interpostos perante os tribunais superiores. Se tais recursos respondem por cerca de 70% da atividade dessas Cortes, o STF, o STJ e o TST poderão efetivamente se dedicar ao exercício das funções mais relevantes a eles atribuídas pela Constituição Federal".
No entanto, Aloysio Nunes propõe que, em vez da transformação dos recursos extraordinário e especial em ações rescisórias, seja feita apenas uma reformulação do conceito de trânsito em julgado - situação em que não cabe mais recurso a uma sentença do Judiciário.
Assim, ele propõe o acréscimo à Constituição dos artigos 105-A e 115-A, para estabelecer que os recursos extraordinário e especial, assim como o recurso ao Tribunal Superior do Trabalho (TST), "não obsta o trânsito em julgado".
O substitutivo de Aloysio Campos altera ainda aspecto referente às hipóteses de foro especial por prerrogativa de função nas ações penais. Nesse caso, fica garantido o recurso ordinário ao STF e ao STJ, só havendo trânsito em julgado após decisão desses tribunais. O senador considera que a antecipação do trânsito em julgado poderia fragilizar o princípio do duplo grau de jurisdição.
Aloysio Nunes também sugere mudança para garantir, explicitamente, que recursos extraordinários e especiais em tramitação no momento da entrada em vigor da mudança, continuem seguindo as normas vigentes no momento de sua interposição.

A festa Pomitafro será em agosto

A Pomitafro, de Vila Pavão, considerada uma das mais tradicionais festas culturais do Estado já tem data definida para sua realização: de 26 a 28 de agosto de 2011.

O evento, promovido pela Associação Cultural da Pomitafro, tendo como parceiros a prefeitura, escolas e entidades, terá  em sua programação o baile para escolha das Rainhas e Princesas da Pomitafro, apresentação de grupos de danças e músicas folclóricas, Baile da Concertina com a 3ª Idade, praça de alimentação com comidas típicas, além de shows musicais.

A grande novidade desta 19ª edição é que os festejos não serão realizados mais no centro da cidade e sim no novo Parque de Festas do município, localizado no Córrego do Pavão. “Adquirimos uma grande área de terras, próximo ao estádio municipal, para realização de nossas festividades. A nova área, apesar de estar no início de sua construção, dará mais comodidade para a multidão que sempre se faz presente em nossas comemorações”, salienta o prefeito Ivan Lauer.

De acordo com o secretário municipal de Cultura e Turismo, Jorge Kuster, a programação da Pomitafro de 2011 está sendo elaborada com muito critério para atender à todos os gostos. “Queremos um evento que agrade ao público envolvido com atividades culturais, que é a essência desta festa, mas com agenda que também atenda aos anseios dos jovens e  maioria dos visitantes, que buscam mais agitação através dos shows musicais”, informa o secretário.